Buscar
  • Comunicação CDL Itaúna

27% dos consumidores estão planejando e pesquisando melhor suas compras

Estudo realizado pela plataforma aponta que, com a nova onda da Covid-19, 24% dos brasileiros estão em busca de promoções e 31% querem entrega grátis nas compras em sites e aplicativos de lojas e redes sociais



A preocupação com a pandemia aumentou em 2021: 72% dos brasileiros estão ainda mais receosos com a disseminação da Covid-19 do que estavam no início do ano, aponta o levantamento ‘Impactos recentes da Covid-19 no varejo’, realizado pelo Google há cerca de um mês. Quase 40% diz que ficará em casa e evitará contato com outras pessoas; e 37% evitará locais públicos e aglomeração, inclusive relatórios de mobilidade já́ demonstram menor deslocamento para locais para fazer comprar e lazer (-40%) e parques (-47%). Uma parcela dos brasileiros também não pretende usar transporte público (26%) e vai trabalhar de casa (16%).


O estudo mapeou o potencial efeito, de curto prazo, das medidas restritivas no comportamento de compra e interesse pelas categorias do varejo. Os dados foram levantados pela Ipsos Covid Pulse Survey, exclusivamente para o Google. Ao todo, foram entrevistados 1000 brasileiros conectados na internet, de 22 a 28 de fevereiro de 2021.


A equipe da Varejo SA separou os principais dados da pesquisa para ajudar o seu negócio a se adequar às mudanças de comportamentos do consumidor brasileiro, nesta fase de agravamento da crise sanitária. Confira:


Consumidores mais exigentes

  • Os consumidores estão planejando e pesquisando melhor o que vão adquirir (27%) e buscando mais por promoções (24%).

  • A prioridade das compras será as categorias básicas (53%), com itens de alimentos, bebidas, higiene e limpeza.

Digital consolidado

  • Segundo a pesquisa, o digital se consolidou como principal canal de compra para 4 em cada 10 brasileiros;

  • Apesar de 30% declarar que fará compras em aplicativos de entrega, por ser mais prático, ter notificações e promoções e descontos e melhor visualização, este grupo também se preocupa com o pagamento no app e a segurança na entrega;

  • Custo de entrega: 37% chega a trocar de marca para reduzir o gasto.


Momento da compra

  • Na hora de escolher os produtos em lojas físicas, sites e aplicativos, serão determinantes as promoções e descontos (34%);

  • Já na compra em aplicativos de entrega, pelo Whatsapp e em pontos físicos, o mais importante será o cumprimento dos protocolos de segurança (33%);

  • Para 31% o grande atrativo será a entrega grátis na aquisição em sites e aplicativos de lojas e redes sociais;

  • Ainda são considerados fatores importantes para a escolha do local de compra, a entrega rápida (23%), o atendimento online ou presencial durante a compra (20%) e variedade de produtos (16%).

Fique de olho no seu público

  • Mulheres estão mais preocupadas com a pandemia que homens (72% vs 68%, respectivamente);

  • 55+ é o público mais polarizado: maior índice de brasileiros muito mais preocupados (60%) e também de brasileiros muito menos preocupados (12%) com a pandemia.


Lockdown

  • Comparativamente, nos estados críticos houve maior aumento de buscas por Entretenimento (+8%, TV e vídeo; +7%, instrumentos musicais; e +6%, games), Alimentos (+8%) e Informática (+11%);

  • As buscas demonstram o interesse dos consumidores em atender suas necessidades funcionais, realizar compensações e por escapismo e ter bem-estar.

Baixe o estudo ‘Impactos recentes da Covid no varejo’!Baixar


FONTE: Varejo SA

2 visualizações0 comentário
Acompanhe nossas Redes Sociais:
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube