Buscar
  • Comunicação CDL Itaúna

CDL, ACE, Consepi e Associação de Segurança Pública de Itaúna promovem debate


Entidades que compõe o CDE, poder executivo, legislativo e judiciário municipal, poder legislativo estadual, Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, participaram da reunião


Liderada pelo presidente da CDL Itaúna, Maurício Gonçalves Nazaré, aconteceu na manhã desta quinta-feira (16/12) no Edifício CDE, encontro entre lideranças do movimento empresarial, poder executivo, legislativo e judiciário, autoridades policiais da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, para debate quanto a atual situação do momento no município, com propósito de atualizar o Plano de Ações desenvolvido em 2019, quando da visita do então secretário de Segurança Pública de Minas Gerais a época, General Araújo.


Dentre os temas debatidos, a construção da nova sede da Delegacia de Polícia Civil em Itaúna, que passa por processos burocráticos. Enquanto não se resolve, o Juiz de Direito Dr. Adelmo Bragança de Queiroz trouxe para a reunião a possibilidade de a Delegacia de Polícia Civil passar a funcionar na sede do Fórum local, assim que o mesmo se mudar para nova sede, o que deve ocorrer até meados de 2023.


Sobre a Apac Juvenil e a construção do novo presídio, foi destacado a importância de aprofundar os estudos acerca dos temas, tendo inclusive tratativas para novos formatos e adequações. Sobre a transformação para Delegacia Regional, Dr. Leonardo Pio comentou que para essa mudança é necessária estrutura física adequada, mas com a possibilidade de migrar para a sede do Fórum, seria um importante passo.


Sobre os efetivos tanto das Polícias Civil e Militar, assim como do Batalhão de Bombeiros, todos destacaram que é um gargalo antigo. Sobre a estrutura, a Polícia Civil conta com 6 viaturas, mas apenas 2 estão em condições de uso. Ao longo de 2022 é possível que 3 novas viaturas cheguem para a delegacia local.


O Major Alexsandro da Polícia Militar comentou sobre os pilares de sua gestão à frente da 51ª CIA PM, sendo - treinamento, captação de recursos e proximidade da população. A unidade trabalha no sentido de contribuir para que Itaúna seja o melhor lugar para trabalhar, viver e empreender. Na área de treinamento, sugeriu que possamos ter uma agenda para 2022, com pelo menos uma ação mensal, ainda que online, para levar informação e conhecimento para a população.


Tenente Smith do Corpo de Bombeiros destacou a implantação do INFOSCIP, que informatizou todo o processo de emissão do AVCB, não havendo mais o conceito de fila única. Os processos podem estar sendo avaliados em qualquer parte do estado. Sobre as demandas do Corpo de Bombeiros, hoje o gargalo é o efetivo, a necessidade de reforma do heliponto e também melhoria da identidade visual do batalhão local.


O assunto de grande destaque no encontro foi a implantação do projeto de videomonitoramento da cidade. Este foi um dos principais temas citados pelos representantes da Polícia Civil e Polícia Militar: O quanto é importante e urgente a implantação do projeto de Videomonitoramento por câmeras e como este impacta positivamente nas ações destas instituições, diminuindo situações de furtos e roubos na cidade, inibindo a ação de infratores e agilizando o processo de localização daqueles que seguem a margem da lei.


Maurício Nazaré comentou que esse tema está em pauta pelo menos desde 1995 e lamentou tanta demora na implantação do referido sistema, sendo que municípios como Itatiaiuçu e Pará de Minas já o tem implantado e em pleno funcionamento. Os presentes cobraram da Prefeitura Municipal que algo seja feito rapidamente. Caso a prefeitura decida que não vai implantar referido projeto, que celebre uma PP que permita que a sociedade civil organizada implante o sistema de videomonitoramento na cidade e que seja celebrado convênio financeiro com entidades do município para sua manutenção.


Thiago Araújo, representante da Prefeitura Municipal na reunião, comentou sobre os trabalhos realizados pela prefeitura em favor da segurança pública, dentre eles a melhoria da iluminação pública, e ressaltou que é desejo da prefeitura também que o videomonitoramento seja implantado, assumindo o compromisso de agendar reunião com o prefeito o mais breve possível para que sejam apresentados os trabalhos que o município tem feito para que o videomonitoramento deixe de ser um sonho e a maior demanda dos munícipes e passe a ser realidade.


Participaram da reunião: Afonso Henrique da Silva Lima (ACE Itaúna), Maurício Gonçalves Nazaré (CDL Itaúna), Dr. Adelmo Bragança (Poder Judiciário), Rômulo Vinícius Ferreira (ASPI), Peter Gabriel Andrade (APAC Itaúna), Rogério Sandro Silva Diniz (SICOOB Centro-Oeste), Paloma A. Guimarães (Câmara Municipal de Itaúna), Luana Cristina Abreu Silva (Secretaria Municipal de Desenvolvimento), Tenente Willer Smith Valentino (Corpo de Bombeiro Militar), Major Alexsandro César de Souza (Polícia Militar), Wellington José Borges (CONSEPI), Alessandro Daniel Guerra (SINDICOMÉRCIO Itaúna), Alisson Celestino de Araújo (ACONITA), Thiago Moreira Araújo (Prefeitura Municipal de Itaúna), José Maria e Jardel Magalhães Pereira (Assessores do Deputado Estadual Gustavo Mitre), Fernando Antônio Contijo Freitas (Escrivão da Polícia Civil), André Leite Drumond (Polícia Civil), Dr. Leonardo Moreira Pio (Delegado da Polícia Civil de Itaúna), Wesley Eustáquio dos Reis Pereira (ACE e CDL Itaúna) e Cláudio Gonçalves Soares (ACE e CDL Itaúna).





32 visualizações0 comentário